CADASTRE-SE AINDA HOJE E GANHE R$10*

Mauricio Szapiro e Erik Nako,
curadores de vinho e gastronomia

Aproveite os melhores vinhos e produtos gastronômicos do mercado, selecionados por chefs e sommeliers tão apaixonados pela boa mesa como você.


Quero me cadastrar

Já é cadastrado?
Faça seu login

oferta
(11) 3090-6073 / (21) 4042-2446 - Seg. à Sex. das 10h às 19h

Villa Chiòpris Pinot Grigio DOC 2009

De R$ 76,70 por Preço Exclusivo para cadastrados
CADASTRE-SE

Villa Chiòpris Pinot Grigio DOC 2009

Friuli • Itália

Tradição que faz jus à popularidade do Pinot Grigio

De R$ 76,70 por



ESTA OFERTA ESTÁ ENCERRADA
Cadastre-se hoje, ganhe R$ 10 de créditos


Com a palavra, o sommelier

O colunista Peter Grogan, do jornal britânico The Telegraph, criticou uma vez a popularização do Pinot Grigio em países como a Inglaterra e os Estados Unidos. Logo em seguida teve que se redimir: “Feito no lugar certo, nas mãos certas, a Pinot Grigio produz excelentes vinhos, cheios de personalidade”. A grande procura pela casta, que é a última moda nos Estados Unidos, impulsionou a produção de Pinots sem o mesmo preparo que teriam “nas mãos certas”, como diria Grogan. A região de Friuli foi uma das escolhidas por ele como casa desses grandes vinhos, região onde se encontra a vinícola de Villa Chiòpris, um exemplo clássico de como fazer Pinots Grigios de qualidade.

O nome dessa casta não é por acaso. A Pinot Grigio, também conhecida como Pinot Gris, é uma mutação da tão conhecida Pinot Noir, e ambas tiveram origem na Borgonha, França. Também não se engane com a cor, a Pinot Grigio pode se apresentar com casca rosada, embora produza vinhos brancos. O resultado são vinhos brancos de aromas ricos e acidez média, que podem apresentar notas de frutas tropicais, melão e pera. Os verões quentes com noites frias fazem da Itália, principalmente o Friuli, o local perfeito para a produção desses vinhos.

Para a produção de um verdadeiro Pinot Grigio, nada como uma das casas mais tradicionais do Friuli. O grande casarão onde hoje se encontra a sede da Villa Chiòpris pertenceu até o século passado a tradicionais produtores de café. Durante a Primeira Guerra Mundial, o prédio funcionou como hospital militar, devido a sua localização e tamanho. Hoje, a casa pertence à família Livon e funciona como vinícola, cantina e hotel, para quem deseja conhecer o verdadeiro Friuli. Peter Grogan ficaria orgulhoso.

 

Nota de degustação:

Apresenta cor amarelo-palha. O seu aroma é floral, frutado, lembrando pera, cítricos, maracujá; e no fundo um leve aroma de baunilha. Na boca é fresco, de médio corpo, com um final muito gostoso. A acidez é ponto alto e muito equilibrada com a doçura neste vinho.

Harmonização:

Esse Pinot Grigio é uma bela escolha para quiches, pratos de massas com molho branco ou cogumelos, sopas, e carnes brancas.

Mauricio Szapiro

... é engenheiro, enófilo e entusiasta. Há mais de 10 anos é membro da ABS-Rio, atua como sommelier, modera grupos de degustação e é autor do “Momentos Divinos”, caderno de anotações e memórias enológicas. Não satisfeito, segue adiante em busca de novos sabores e experiências.

Detalhes

O que você recebe:
1 garrafa X 750ml

Estilo:
Branco

Safra:
2010

Composição:
100% Pinot Grigio

Teor alcoólico:
12ºC

Mais sobre a Villa Chiòpris

A Villa Chiòpris é uma propriedade da Livon, localizada na fronteira extremo leste da planície de Friuli, protegida pelas colinas verdes de Collio. A região é formada por um cenário encantador de vinhas, bosques, riachos, adegas antigas e pequenas aldeias, que fornecem um roteiro ideal para os turistas. Além da vinícola própria, a Villa Chiòpris organiza um tour para aqueles que desejam experimentar o campo de Friuli, passando por vinhedos, degustações nas adegas e excursões através dos olivais ao longo da fronteira com a Eslovênia, próxima do Mar Adriático e a cidade portuária de Trieste.

Outras Fontes:

www.villachiopris.it

www.livon.it