CADASTRE-SE AINDA HOJE E GANHE R$10*

Mauricio Szapiro e Erik Nako,
curadores de vinho e gastronomia

Aproveite os melhores vinhos e produtos gastronômicos do mercado, selecionados por chefs e sommeliers tão apaixonados pela boa mesa como você.


Quero me cadastrar

Já é cadastrado?
Faça seu login

oferta
(11) 3090-6073 / (21) 4042-2446 - Seg. à Sex. das 10h às 19h

Seleção Jorge Lucki - Top

De R$ 736,00 por Preço Exclusivo para cadastrados
CADASTRE-SE

Seleção Jorge Lucki - Top

• Diversos países

O "sublime" achado em dois vinhos top

De R$ 736,00 por



ESTA OFERTA ESTÁ ENCERRADA
Cadastre-se hoje, ganhe R$ 10 de créditos


Com a palavra, o curador:

Na vida, momentos sublimes são raros de encontrar, mas não impossíveis. O mesmo posso falar de vinícolas. Em todos esses anos trabalhando com vinhos, pelas minhas andanças mundo afora, posso dizer que tive alguns “achados”. E se na sua vida um vinho pode proporcionar momentos maravilhosos, acredito que aqui estejam dois rótulos com essa capacidade. São vinhos elegantes, feitos por casas com produção familiar, sem processos industriais - que verdadeiramente se importam com a qualidade de seus rótulos. A preocupação com a terra é transmitida para a personalidade do vinho - para aqueles que buscam uma experiência consagrada. São dois vinhos do velho mundo, elites de categoria. Dupla que um apreciador não pode deixar de degustar.

Brunello Canalicchio di Sopra 2007

Na Itália, há Brunellos e Brunellos. Em 1970, quando o Brunello realmente despontou no mundo, havia apenas 15 produtores dessa região demarcada. Hoje, pouco mais de 40 anos depois, esse número já supera a casa dos 200. Posso afirmar que houve um crescimento, no mínimo, desordenado, sem qualquer critério.

Em geral, não gosto muito de recomendar Brunellos, pois normalmente não acho que o preço acompanha a qualidade esperada. Por muitas vezes, tornou-se apenas uma questão de “marca”. 

Agora, como toda regra tem sua exceção, dos mais de 200 produtores de Brunello, certamente posso dizer que o Canalicchio di Sopra está entre os cinco melhores.

Em 1962, Primo Pacenti fundou a vinícola, localizada no lado norte de Montalcino, no centro do roteiro turístico de Val d’Orcia. A fazenda se estende por cerca de 60 ha, dos quais 15 são vinhedos e 2 oliveiras. Francesco, Marco e Simonetta Ripaccioli (a terceira geração) assumiram a vinícola da família no ano de 2001. Buscam, desde então, novos padrões de qualidade para seus Brunellos.

A safra 2007 é um exemplo disso: foi o melhor Brunello que provei no mercado brasileiro!

Notas de degustação:

Cor Rubi intenso tendendo ao vermelho granada. No nariz, frutado, elegante, intenso e aromas vegetais. Na boca, grande estrutura, elegante e harmonioso, muito persistente.

Harmoniza bem com carnes vermelhas e de caça, e queijos mais fortes e temperados.

Château Corbin Michotte 2005 - Grand Cru Saint Émilion

Este Château está localizado ao lado dos Châteaux Cheval Blanc e Figeac, no limite das vinhas de Pomerol. 

Fazia parte de uma imensa propriedade feudal pertencente ao Príncipe Negro durante o domínio inglês. As atuais construções datam do século XIX. Em ruínas, a fazenda foi comprada em 1959 por Jean-Nöel Boidron, membro de uma família tradicional na produção de vinhos em Bordeaux desde 1760. Ele restaurou o château e iniciou então a produção deste Grand Cru Classé. Membro da Academia do Vinho de Bordeaux, Boidron conta hoje com o apoio dos filhos Isabelle, Emmanuel e Hubert.

Posso dizer que este produtor faz jus à sua localização e produz um vinho excepcional, com mais do que se espera de um Saint Emilion. Suas vinhas têm aproximadamente 35 anos de idade e produzem apenas 3.000 caixas por ano. E ainda por cima, esse Château Corbin Michotte é da elegante safra de 2005 em Bordeaux, um ano excepcional para essa região.

Notas de degustação:

Cereja preta, ameixa, terra, baunilha e sabores de especiarias; tem corpo médio, fácil, estilo elegante de St. Emilion. Vinho que está pronto para beber. Na boca, é divertido: muito redondo, taninos maduros presentes, mas permanecem confortáveis ​​sem adstringência. A nota amadeirada é um pouco maior na boca do que no nariz, bastante equilibrada com a fruta.

Jorge Lucki

Formado pela Academie du Vin de Paris, é hoje considerado um dos mais importantes críticos de vinho do país. Além de colunista do jornal Valor Econômico e das revistas Valor Investe e Prazeres da Mesa, Lucki é comentarista de vinhos da rádio CBN e coautor do guia Descorchados América do Sul.

Detalhes

O que você recebe:
1 garrafa x 750ml de Brunello Canalicchio di Sopra 2007
1 garrafa X 750ml de Château Corbin Michotte 2005 

Brunello Canalicchio di Sopra 2007
Estilo: Tinto
Composição: 100% Sangiovese
Safra: 2007
Teor Alcoolico: 14%
Envelhecimento: 36 meses em barrica
Premiação: 4 estrelas Decanter 
              93 RP (Robert Parker)
              93 IWC (Stephen Tanzer) 

Château Corbin Michotte 2005
Estilo: Tinto
Composição: 65% Merlot, 30% Cabernet Franc, 5% Cabernet Sauvignon
Safra: 2005
Teor Alcoolico: 13%
Envelhecimento: 18-24 meses em barrica
Pontuação: 91 WE (Wine Enthusiast)
               17/20 JR (Jancis Robinson)