CADASTRE-SE AINDA HOJE E GANHE R$10*

Mauricio Szapiro e Erik Nako,
curadores de vinho e gastronomia

Aproveite os melhores vinhos e produtos gastronômicos do mercado, selecionados por chefs e sommeliers tão apaixonados pela boa mesa como você.


Quero me cadastrar

Já é cadastrado?
Faça seu login

oferta
(11) 3090-6073 / (21) 4042-2446 - Seg. à Sex. das 10h às 19h

Rigal: Malbec Original

De R$ 42,00 por Preço Exclusivo para cadastrados
CADASTRE-SE

Rigal: Malbec Original

Côtes du Lot, Cahors • França

O berço da Malbec

De R$ 42,00 por



ESTA OFERTA ESTÁ ENCERRADA
Cadastre-se hoje, ganhe R$ 10 de créditos


Com a palavra, a sommelière:

Aqui no Brasil, quando se fala em vinhos da uva Malbec, geralmente associa-se logo àqueles produzidos na Argentina, país onde a área plantada é dez vezes maior que na sua terra de origem, a França. Não tenho nada contra os vinhos argentinos, muito pelo contrário, até sou fascinada pelo ótimo resultado obtido com a Malbec em Mendoza. Porém, acredito que não podemos nunca esquecer a verdadeira essência dessa uva, ou seja, o berço de nascimento da Malbec.  

Recentemente foram descobertas nas redondezas da cidadezinha de Cahors, região sudoeste da França, as primeiras parreiras de uva Malbec cultivadas no mundo. Estima-se que as vinhas de Malbec já eram cultivadas nessa região há pelo menos 300 anos. Infelizmente, a grande maioria dessas parreiras velhas foram destruídas na histórica geada de 1956, que assolou o país durante um inverno rigorosíssimo. Ainda hoje, essa variedade é amplamente cultivada em Cahors, e também, uma das principais variedades utilizada no blend de Bordeaux, tradicional região francesa.

Em pouco mais de dois séculos de história, a vinícola Rigal vem cultivando e produzindo vinho Malbec com paixão. De acordo com os produtores, essa variedade expressa com elegância e potência as características do terroir de Cahors, resultando em vinhos de cores intensas e grande complexidade. Neste sentido, a vinícola Rigal seleciona muito bem as suas uvas, a fim de produzir vinhos que concentrem o máximo de aromas naturais da fruta.

Com certeza será diferente de tudo que você já experimentou, descubra o sabor original da Malbec!

Notas de Degustação:

Vermelho rubi brilhante. Sendo um Malbec do Velho Mundo é bem elegante, mineral, com notas já mais evoluídas, sem muitos aromas de frutas vermelhas como os do Novo mundo.

Harmonização:
Ele pode ser perfeitamente harmonizado com carnes vermelhas suculentas e churrasco. Fique à vontade!

Lolô Riccobene

... é sommelière formada na The Wine School, escola internacional de sommeliers da Jancis Robinson. Há mais de quatro anos dedica-se à enogastronomia, setor pelo qual é apaixonada e em que trabalha por prazer, como costuma dizer.  

Detalhes

O que você recebe:
1 garrafa X 750ml 

Composição:
100% Malbec 

Estilo:
Tinto 

Teor Alcoolico:
12,5%

Safra:
2011

Envelhecimento:
Período curto em barricas de carvalho francês

Mais sobre a Rigal:

Localizado no coração da região sudoeste da França, na cidade de Cahors, a vinícola Rigal preserva uma tradição com mais de 250 anos ligados à viticultura. Tudo começou em 1755, ainda no reinado de Louis XIV, quando um jovem produtor plantou as primeiras parreiras nas encostas do Vale Lot. Rapidamente, os vinhos assinados pelo Maison Rigal ganharam um reconhecimento proporcional à fama de Cahors. No total, são 75 hectares de vinhas cultivadas divididas apenas entre as variedades tintas Malbec (75%), Merlot (20%) e Tannat (5%). 

Outras Fontes:

http://www.rigal.fr/

http://www.cahorsmalbec.com/