CADASTRE-SE AINDA HOJE E GANHE R$10*

Mauricio Szapiro e Erik Nako,
curadores de vinho e gastronomia

Aproveite os melhores vinhos e produtos gastronômicos do mercado, selecionados por chefs e sommeliers tão apaixonados pela boa mesa como você.


Quero me cadastrar

Já é cadastrado?
Faça seu login

oferta
(11) 3090-6073 / (21) 4042-2446 - Seg. à Sex. das 10h às 19h

Piero Busso Dolcetto d'Alba DOC Majano 2010

De R$ 115,70 por Preço Exclusivo para cadastrados
CADASTRE-SE

Piero Busso Dolcetto d'Alba DOC Majano 2010

Neive • Itália

Um vinho de muito respeito

De R$ 115,70 por



ESTA OFERTA ESTÁ ENCERRADA
Cadastre-se hoje, ganhe R$ 10 de créditos


Com a palavra, o sommelier

“O vinho em respeito ao território”, como disse Piero Busso, fundador e patriarca da vinícola que carrega o mesmo nome. E é coerente com o que fala. Neste vinho, que não passa por barrica, está a uva Dolcetto despida de qualquer maquiagem. A fazenda prioriza uma viticultura que respeita o solo, as vinhas e, claro, o meio ambiente. Além disso, características únicas de exposição ideal das vinhas fornecem elementos necessários para uma colheita rica e de bons vinhos.

As colheitas são feitas manualmente e com muito cuidado, sempre visando preservar a integridade das uvas, em respeito ao sabor da fruta. A vinícola não utiliza herbicidas químicos e enriquece o solo utilizando somente compostos naturais. São cultivadas cerca de seis mil videiras, cada uma com média entre 15 a 30 anos de idade. As vinhas ocupam uma área de dez hectares e produzem uma média de 45 mil garrafas de vinho por ano.

Segundo os especialistas, o vinho Dolcetto já foi categorizado como a “Beaujolais da Itália”, em referência ao vinho francês produzido com uvas Gamay. Nada mais diferente. A Dolcetto apresenta um sabor condimentado que se destaca em um fundo sutil de chocolate. Também é muito fácil de beber, capaz de ser degustado em grandes e ricos goles. O que eu chamo de “vinho gastronômico”!

Notas de degustação:

Cor vermelha profunda com tons de violeta. O aroma é frutado, fresco e levemente perfumado com notas florais. No paladar é seco, leve e elegante, com acidez equilibrada com taninos suaves e notas de cravo.

Harmonização:
Como falei, um vinho bem gastronômico, portanto várias combinações são possíveis. Com taninos leves e acidez de um jovem vinho, que tal experimentá-lo com ensopados (ossobuco de vitelo), ou carnes refogadas, grelhadas, legumes à ratatouille etc.

Mauricio Szapiro

... é engenheiro, enófilo e entusiasta. Há mais de 10 anos é membro da ABS-Rio, atua como sommelier, modera grupos de degustação e é autor do “Momentos Divinos”, caderno de anotações e memórias enológicas. Não satisfeito, segue adiante em busca de novos sabores e experiências.

Detalhes

O que você recebe:
1 garrafa X 750ml

Estilo:
Tinto

Safra:
2010

Composição:
100% Dolcetto D’Alba

Envelhecimento:
6 meses em cubas de aço inox

Teor alcoólico:
13%

Mais sobre Piero Busso

Fundada em 1953, a fazenda Piero Busso nasceu a partir do sonho do patriarca em construir uma empresa que pudesse ser transferida por gerações na sua família. Este sonho se tornou realidade, juntamente com a ajuda de sua esposa Lucia, e seus filhos Pierguido e Emanuela. Desde então, a paixão e o amor em produzir vinhos motiva as duas gerações da família Busso, que participam e certificam todos os processos. Atualmente, a pequena vinícola cultiva dez hectares de uvas das variedades: Nebbiolo, Barbera, Dolcetto, Arneis, e em menores quantidades, Sauvignon Blanc e Chardonnay. Produção anual de 45 mil garrafas.

Outras Fontes:

www.bussopiero.com