CADASTRE-SE AINDA HOJE E GANHE R$10*

Mauricio Szapiro e Erik Nako,
curadores de vinho e gastronomia

Aproveite os melhores vinhos e produtos gastronômicos do mercado, selecionados por chefs e sommeliers tão apaixonados pela boa mesa como você.


Quero me cadastrar

Já é cadastrado?
Faça seu login

oferta
(11) 3090-6073 / (21) 4042-2446 - Seg. à Sex. das 10h às 19h

Heredad de Peñalosa Verdejo

De R$ 86,00 por Preço Exclusivo para cadastrados
CADASTRE-SE

Heredad de Peñalosa Verdejo

Rueda • Espanha

Goles de história

De R$ 86,00 por



ESTA OFERTA ESTÁ ENCERRADA
Cadastre-se hoje, ganhe R$ 10 de créditos


Com a palavra, o curador:

Criada oficialmente em 1980, a D.O. Rueda, localizada ao sul de Ribera del Duero, é hoje conhecida como a líder em produção de vinhos brancos na Espanha. A fama e o reconhecimento se devem aos esforços de preservar sua casta autóctone, a uva branca espanhola por excelência: a Verdejo.

Antigamente, mais especificamente no século XVIII, a área de vinhedos em Rueda era mais extensa do que hoje e plantada quase que exclusivamente com a variedade Verdejo. O êxito durou até a chegada da filoxera na região. Entre 1909 e 1922, dois terços da plantação foram completamente destruídos. Depois da praga, a Verdejo foi substituída por variedades mais rentáveis e que tivessem maior vendagem. Apenas em 1972, quando a tradicional bodega de Rioja Marques de Riscal decidiu produzir vinhos brancos de Verdejo em Rueda é que foi iniciado o replantio da casta em todo o território. Iniciou-se então uma nova era de brancos refrescantes e jovens feitos com a uva mais emblemática da D.O.

Seguindo a filosofia e o aprendizado histórico, as Bodegas Pascual acreditam que sem uma grande uva não há um grande vinho. Por isso, cultiva vinhedos próprios, além de comprar uvas provenientes de vinhas velhas – entre 65 e 100 anos - de viticultores próximos, visando uma produção de vinhos únicos e tentando manter assim a longa tradição da região.

Podemos dizer que esse Heredad de Peñalosa é fruto de três elementos chaves numa receita de sucesso: paixão pela viticultura + talento para explorar o terroir + uma grande uva regional. Somando os três, só poderia resultar em mais um grande vinho branco espanhol.

Notas de Degustação:

Amarelo palha escuro e brilhante. No olfato, percebem-se aroma cítricos e vegetais. Na boca, boa acidez e persistência, boa opção para acompanhar alguma comidinha.

Harmonização:

Lagosta grelhada, mariscos, frutos do mar em geral. Sashimi também, por quê não?

Mauricio Szapiro

... é engenheiro, enófilo e entusiasta. Há mais de 10 anos é membro da ABS-Rio, atua como sommelier, modera grupos de degustação e é autor do “Momentos Divinos”, caderno de anotações e memórias enológicas. Não satisfeito, segue adiante em busca de novos sabores e experiências.

Detalhes

O que você recebe:
1 garrafa x 750ml

Composição:
100% Verdejo

Estilo:
Branco

Teor Alcoólico:
12,5%

Safra:
2011

Mais sobre as Bodegas Pascual:

Pertencente à família Pascual, as Bodegas foram criadas em 1986, fundadas por Felix Enrique Pascual, filho de Diodoro Pascual, um apaixonado por vinhos. Desde o século XIV, já existia a cultura da vinha na região de Burgos, província da D.O. Ribera del Duero, na Espanha, onde está localizada a bodega, construída em cima de uma antiga vinícola medieval. Nos primórdios, a produção de vinhos era feita de forma artesanal, baseada na sabedoria popular dos antepassados da família. A vinícola começa a ganhar destaque no cenário da viticultura espanhola e mundial ao lançar a marca comercial “Heredad de Peñalosa”. A primeira abre caminho para outras linhas como “Buro de Peñalosa”, “Buro Seleccion”, "Leira Reyero”, “Castildiego”, além da marca “Diodoro Autor”, uma homenagem e um reconhecimento de Felix ao trabalho do pai.

Outras Fontes:

http://www.bodegaspascual.com