CADASTRE-SE AINDA HOJE E GANHE R$10*

Mauricio Szapiro e Erik Nako,
curadores de vinho e gastronomia

Aproveite os melhores vinhos e produtos gastronômicos do mercado, selecionados por chefs e sommeliers tão apaixonados pela boa mesa como você.


Quero me cadastrar

Já é cadastrado?
Faça seu login

oferta
(11) 3090-6073 / (21) 4042-2446 - Seg. à Sex. das 10h às 19h

El Milagro Reserva Carménère

De R$ 82,20 por Preço Exclusivo para cadastrados
CADASTRE-SE

El Milagro Reserva Carménère

Valle Central, Curicó • Chile

Sucesso garantido

De R$ 82,20 por



ESTA OFERTA ESTÁ ENCERRADA
Cadastre-se hoje, ganhe R$ 10 de créditos


Com a palavra, o sommelier:

Da primeira vez que apresentamos os rótulos El Milagro, selecionamos uma dobradinha dos varietais, Carménère e Syrah. O sucesso foi tanto, que resolvemos voltar com aquele que foi eleito o nosso favorito dessa degustação. Desta vez, vamos falar um pouco sobre o El Milagro Reserva Carménère, vinho muito recomendado por Jorge Lucki como o representante do Novo Mundo que tem a melhor relação qualidade/preço do mercado brasileiro em 2012.

Ele é produzido pela Viñedos Puertas, sob a responsabilidade de Carlos Torre, experiente enólogo que já esteve à frente da gigante vinícola chilena Concha Y Toro. Na vinícola Puertas, Carlos Torre tem à sua disposição toda a infraestrutura necessária para que seus vinhos alcancem o mais alto nível de qualidade. A vinícola é equipada com a última tecnologia em vinificação, o que lhes permite incrível consistência na produção e, consequentemente, no resultado final dos vinhos. 

A uva Carménère foi cultivada no Valle de Curicó, localizado a 200 kms de Santiago, no Valle Central do Chile. No idioma Mapuche, a palavra Curicó significa “águas negras”, em homenagem à bacia dos rios Teno e Lontué. Atualmente essa região é considerada a terceira maior área vinícola chilena, totalizando mais de 19 mil hectares de áreas plantadas. O clima é caracterizado pelas neblinas matinais e alta variação de temperatura entre o dia e a noite. Tais fatores resultam em vinhos de grande extração de cor e taninos, como se poderá observar neste ótimo rótulo.

Notas de Degustação:

Vermelho rubi, bem escuro. No nariz, amplo, elegante, intenso e frutado. Tem um toque vegetal e de ameixas maduras, com notas de chocolate, ameixa, alcaçuz, café e um caramelo encantador. No paladar, vinho equilibrado e redondo, uma boa combinação com a fina madeira francesa torrada. Persistência média e elegante final.

Harmonização:

Para harmonizar com aperitivos, experimente este vinho com variedades de queijos: brie, defumado, provolone, frutos secos. 

Mauricio Szapiro

... é engenheiro, enófilo e entusiasta. Há mais de 10 anos é membro da ABS-Rio, atua como sommelier, modera grupos de degustação e é autor do “Momentos Divinos”, caderno de anotações e memórias enológicas. Não satisfeito, segue adiante em busca de novos sabores e experiências.

Detalhes

O que você recebe:
1 garrafa X 750ml
 

Composição:
100% Carménère

Estilo:
Tinto

Teor Alcoólico:
13,5% 

Safra:
2010

Envelhecimento:
5 meses em barricas de carvalho francês 

Pontuação:
90 pts Guia Descorchados

Escolha Jorge Lucki: Melhor relação qualidade/preço existente no mercado brasileiro em 2012

Mais sobre a Viñedos Puertas:

Quando fundada, em 1950, por José Puertas Esteban, a Viñedos Puertas concentrava suas operações na revenda de uvas, vinhos a granel e vinificação para terceiros. Hoje ela mudou de rumo e passou de simples produtora de uvas para uma vinícola que controla todos os passos da cadeia produtiva, produzindo e engarrafando vinhos de altíssima qualidade que são exportados para todo o mundo. Por trás deles está o enólogo Carlos Alfredo Torre Sila, que por muito tempo esteve responsável pela gigante Concha y Toro e hoje encontrou um novo espaço para explorar ainda mais seu incrível talento.

Outras Fontes:

http://www.vinedospuertas.cl/

http://mercovino.com.br