CADASTRE-SE AINDA HOJE E GANHE R$10*

Mauricio Szapiro e Erik Nako,
curadores de vinho e gastronomia

Aproveite os melhores vinhos e produtos gastronômicos do mercado, selecionados por chefs e sommeliers tão apaixonados pela boa mesa como você.


Quero me cadastrar

Já é cadastrado?
Faça seu login

oferta
(11) 3090-6073 / (21) 4042-2446 - Seg. à Sex. das 10h às 19h

Duo Rothschild: Merlot 2010 e Cabernet Sauvignon 2010

De R$ 111,40 por Preço Exclusivo para cadastrados
CADASTRE-SE

Duo Rothschild: Merlot 2010 e Cabernet Sauvignon 2010

Languedoc-Roussillon • França

Languedoc: um lugar para (re)criar

De R$ 111,40 por



ESTA OFERTA ESTÁ ENCERRADA
Cadastre-se hoje, ganhe R$ 10 de créditos


Com a palavra, o sommelier:

Mesmo na busca por novas experiências, às vezes nos deparamos com nomes muito familiares no mundo dos vinhos. E quando esses produtores tradicionais nos oferecem rótulos desconhecidos, é nosso "dever" prová-los. Foi assim que cheguei a esses dois tintos que carregam o nome da família Rothschild em seus rótulos. Feitos 100% com Cabernet Sauvignon e Merlot, respectivamente, esses vinhos não passam por barrica, e - por mais que levem Rothschild no nome - não são feitos em Bordeaux. São produzidos numa região que está dando o que falar na França: a Languedoc-Roussillon.

A família Rothschild fez seu nome em Pauillac, com o Chatêau Mouton Rothschild, na região do Medóc, Bordeaux. São deles alguns dos tintos mais famosos do mundo, como o Châteaux Mouton Rothschild Premier Cru e o Mouton Cadet. Fora a indiscutível importância de seus vinhos, o barão Philippe fez história na viticultura francesa ao contestar e mudar a classificação dos châteaux de Bordeaux. Insatisfeito com a classificação do Châteaux Mouton Rothschild como Deuxième Cru - estabelecida em 1855 por Napoleão III -, Philippe incansavelmente reivindicou a mudança para Premier Cru, o que de fato aconteceu em 1973 (quando a classificação foi alterada pela primeira e última vez).

Com o crescimento de sua produção, a família levou seu “savoir-faire” para outras regiões da França e do mundo. Em Languedoc (também conhecida como Pays D’Oc), Philippe encontrou um terreno propício para experimentar, já que as regras dessa região são menos restritas e permitem a elaboração de vinhos feitos com uvas de diversas regiões. Esse duo traz as duas grandes cepas tintas (Cabernet Sauvignon e Merlot) no terroir de Languedoc, e mostra que elas aí se adaptaram perfeitamente. A indicação "Vin de Pays" indica que é um vinho simples, fácil de beber, mas com a qualidade atestada pela Rothschild. O que propomos é a apreciação do sabor uva “in natura” e de sua tipicidade no terroir de Languedoc, já que os dois vinhos não passam por barrica.

Uma boa oportunidade para conhecer os vinhos do sul da França, com um ótimo custo/qualidade e a garantia de quem entende do assunto.

Notas de Degustação e Harmonização:

Merlot 2010:

Vermelho rubi, com reflexo violáceo, aromas com notas vegetais e de frutas quase maduras, cassis, cereja, ameixa. Na boca é equilibrado e com boa acidez, com taninos presentes. Harmonizaria bem com massas de molho vermelho e à bolonhesa, ou então, carnes vermelhas.

Cabernet Sauvignon 2010:

Vermelho rubi, reflexos violáceos. No nariz, tipicidade da fruta: amplo com frutas e vegetais, leve mineral, especiarias e pimentão. Boca com acidez equilibrada com os taninos no ponto. Acompanha charcutaria, churrasco...

Mauricio Szapiro

... é engenheiro, enófilo e entusiasta. Há mais de 10 anos é membro da ABS-Rio, atua como sommelier, modera grupos de degustação e é autor do “Momentos Divinos”, caderno de anotações e memórias enológicas. Não satisfeito, segue adiante em busca de novos sabores e experiências.

Detalhes

O que você recebe:
1 garrafa X 750 ml de Merlot
1 garrafa X 750 ml de Cabernet

Merlot 2010
Estilo: Tinto
Safra: 2010
Composição: 100% Merlot
Teor alcoólico: 14%

Cabernet 2012
Estilo: Tinto
Safra: 2010
Composição: 100% Cabernet Sauvignon
Teor alcoólico: 14%

Mais sobre a Baron Philippe Rothschild S.A.:

A história da família Rothschild é um exemplo de sucesso absoluto na viticultura mundial. Herdeiro do Chatêau Rothschild, no Médoc, Bordeaux, Philippe Rothschild expande os domínios da família e funda em 1933 a sociedade Baron Philippe Rothschild S.A. Passadas gerações, o objetivo da família sempre foi motivado por uma ambição constante: simplesmente produzir os melhores vinhos do mundo, cada qual em sua categoria. Além da Château Mouton em Bordeaux, a Rothschild também está presente hoje em outras regiões da França – como Languedoc-Roussillon –, no Chile – no Vale do Maipo – e nos EUA - Califórnia. Nessas áreas, a filosofia da família é explorar tanto variedades locais quanto internacionais, e compor vinhos que prezem pela qualidade e ousadia.

Outras Fontes:

http://www.devinum.com.br/catalogodevinum.pdf

http://www.bpdr.com/