CADASTRE-SE AINDA HOJE E GANHE R$10*

Mauricio Szapiro e Erik Nako,
curadores de vinho e gastronomia

Aproveite os melhores vinhos e produtos gastronômicos do mercado, selecionados por chefs e sommeliers tão apaixonados pela boa mesa como você.


Quero me cadastrar

Já é cadastrado?
Faça seu login

oferta
(11) 3090-6073 / (21) 4042-2446 - Seg. à Sex. das 10h às 19h

Cool Coast Sauvignon Blanc 2011

De R$ 98,00 por Preço Exclusivo para cadastrados
CADASTRE-SE

Cool Coast Sauvignon Blanc 2011

Valle del Colchagua • Chile

Com um tempero do Pacífico

De R$ 98,00 por



ESTA OFERTA ESTÁ ENCERRADA
Cadastre-se hoje, ganhe R$ 10 de créditos


Com a palavra, a sommelière:

Apesar de sua origem francesa, a Sauvignon Blanc se adaptou muito bem a outros terrois do mundo, com destaque para a Nova Zelândia, Califórnia e Chile. Seu aroma clássico vem concorrendo lado a lado com a Chardonnay, a mais famosa e internacional uva branca.

Esse Sauvignon Blanc Cool Coast é feito na região de Paredones, no Vale do Colchágua, que se encontra no centro do Chile. É um vale muito diversificado, seu território abrange uma parte alta (pré-cordilheira) que recebe ventos dos Andes, uma planície, e um setor costeiro em que predomina a influência do Oceano Pacífico. A região onde o Cool Coast se origina fica perto do oceano (a aproximadamente 40km do Pacífico) e não tem esse nome por acaso. Seus vinhedos ficam localizados próximos a um paredão e recebem os ventos vindos do Pacífico e trazidos a terra pela corrente de Humboldt. Isso faz com que o vinho tenha um caráter mais mineral, ainda mais ressaltado pelo sal marinho. Como resultado, temos um branco muito refrescante, com um final prolongado que deixa um gostinho muito agradável na boca.

Notas de Degustação:

Amarelo claro, límpido. Aromas de cítricos, abacaxi, laranja e, principalmente, maracujá; seguido de aromas minerais, ressaltando a salinidade marítima (do Oceano Pacífico). Na boca, possui uma alta acidez, tornando o vinho bem interessante logo no primeiro gole. Tem uma persistência muito boa, para um branco do novo mundo, e deixa um retrogosto no final. É um vinho cremoso na boca.

Harmonização:

Ótimo com queijos de cabra (Boursin), filezinhos de trilha grelhados acompanhados de limão siciliano. Para quem gosta de comida tailandesa, saiba que ele se encaixa perfeitamente, além de frutos do mar, no geral.

Lolô Riccobene

... é sommelière formada na The Wine School, escola internacional de sommeliers da Jancis Robinson. Há mais de quatro anos dedica-se à enogastronomia, setor pelo qual é apaixonada e em que trabalha por prazer, como costuma dizer.  

Detalhes

O que você recebe:
1 garrafa x 750ml

Teor Alcoolico:
14,5%

Composição:
100% Sauvignon Blanc

Safra:
2011

Envelhecimento:
Tanques de aço inoxidável

Premiações:
89 IWC (International Wine Cellar)
88 WE (Wine Enthusiast)
88 WS (Wine Spectator)

Mais sobre a Casa Silva:

A Casa Silva tem origens francesas, de onde veio seu fundador, Emile Bouchon, que partiu de Bordeaux em busca de um perfeito terroir chileno. Emile Bouchon criou o que viria a ser a mais antiga adega do Vale do Colchágua, mas foi somente na quarta geração da família, em 1997, que Mario Pablo Silva convenceu seu pai a engarrafar e vender os excelentes vinhos produzidos na vinícola sob sua própria marca que passou a se chamar Casa Silva. Hoje, a empresa continua sendo fundamentalmente familiar e tem como objetivo ser líder em pioneirismo e inovação na produção de vinhos chilenos. A Casa Silva possui vinhedos em Angostura, Lolol e Los Lingues e tem como enólogo o famoso Mario Geisse, também produtor dos espumantes da Cave Geisse, no Brasil. Geisse já foi chamado de “o mestre da Carménère” e é ele quem comanda a produção, estudando as melhores condições do terroir para cada uva.

Outras Fontes: 

www.casasilva.cl

www.vinhosdomundo.com.br